Melhores práticas para currículo eficaz
Escrevendo o currículo

Melhores práticas para um currículo eficaz

Hoje em dia o sistema educacional e sobretudo as escolas têm a responsabilidade e obrigação de ensinar aos seus alunos como integrar-se na sociedade e prepará-los para serem líderes do mundo. Uma das formas para fazê-lo é integrá-los na linguagem de como fazer um currículo e quais as práticas a adoptar para que este seja mais funcional.

Criar um currículo padrão torna-se uma mais valia para o futuro profissional que se quer integrar não só no mercado de trabalho, mas também na sociedade em geral. Mas será que sabemos as características de um bom currículo? Vem conhecer connosco as melhores práticas para um currículo eficaz para seres um melhor cidadão e o melhor candidato a emprego.

Melhores práticas para currículo eficaz

Matej Kotula || Shutterstock

Mandamentos para um currículo eficaz

De forma muito simples tem em consideração desde logo os nossos templates de currículo para descarga que te ensinam quais os formatos de currículo que poderás escolher e até mesmo passos para tornar o design do currículo profissional mais atrativo. Já tens o caminho meio andado para obter um currículo eficaz.

Mesmo assim, existem outros pequenos detalhes que importam sobre como fazer um currículo. Quais são esses detalhes? Segue-os abaixo e pode ser que tenhas sucesso junto dos selecionadores da equipa de recursos humanos.

1. Não escrevas à pressa!

No teu currículo não deverás passar nenhum erro ortográfico. Nos casos em que tens que enviar o currículo noutro idioma deverás saber como enviar currículo para trabalhar no estrangeiro. Este é um ponto que não podes desconsiderar.

2. Dinâmica no currículo!

Uma das formas de manter a dinâmica no currículo é colocar a experiência profissional no currículo e a formação académica sem que estas pareçam muito extensas! Porque o curriculum vitae prepara-te para a vida em sociedade, o currículo deverá regularmente responder às tuas necessidades como candidato bem como às necessidades existentes na sociedade.

Melhores práticas para currículo eficaz

stockfour || Shutterstock

3. O currículo deverá construir a tua experiência

O currículo denota a tua experiência profissional ou académica, mas também reforça os processos de aprendizagem. Ou seja, um currículo não é um documento fechado em si mesmo e o candidato deverá ter consciência que este é um documento a ser editado no futuro, à medida que a sua experiência se alarga.

4. Um bom currículo não informa a pretensão salarial

Um currículo eficaz não destaca qualquer pretensão salarial do candidato. No entanto existem muitos sites que procuram saber-la. Tem em atenção que podes ser honesto, mas tem cuidado. Informa-te com os teus amigos, familiares ou contactos sobre o quanto eles acham que vale o teu desempenho profissional.

5. Um currículo eficaz e democrático

No mundo em que vivemos existem pequenos detalhes em que os recrutadores podem dar preferência a um candidato em vez de outro e isto pode ter que ver com imensos factores. Sejam eles género, cor, opiniões políticas, religião, entre outras coisas. Em primeiro lugar, para um melhor futuro, as escolas deveriam ensinar o que esses não são factores discriminatórios, mas de inclusão. Moderamente poderão existir discussões saudáveis entre empregados e partilha de experiências entre profissionais.

Os futuros candidatos serão em breve recrutadores e orientadores do trabalho de outrem, por isso convém tentar um modelo de selecção mais justo. Enquanto isso não acontece podes conquistar os recrutadores pela simplicidade, daí que exista o currículo básico, como uma garantia de que o teu currículo não vai para o lixo.

O que achas que não pode faltar na tentativa escrever um currículo ser eficaz? Como ter um bom currículo? Qualquer dica podes apontar nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *