7 coisas a escrever no curriculum
Escrevendo o currículo

7 coisas a incluir no currículo

Certamente, muitas das tuas dúvidas prendem-se com o que incluir no currículo. Na verdade, como escrever um currículo e que dados nele incluir é algo em permanente mudança e, por isso, algumas coisas que eram imprescindíveis de colocar anteriormente podem ser hoje pouco interessantes ou úteis . Desta forma, para que obtenhas o currículo moderno e atualizado tens de incluir uma série de pontos básicos. E porque 7 é o número da sorte, queremos dar-te a conhecer 7 coisas a incluir no currículo. Lê o artigo e confere.

O que deves inserir no teu CV

O que não pode faltar no curriculum vitae

Prepara-te porque a partir de agora irás conhecer 7 coisas essenciais a incluir no teu CV, que aumentarão o valor do teu documento.

Mas atenção, que a procura de emprego não é fácil, e antes de escrever um CV convém analisar bem a empresa e escolher o formato de currículo  justo porque ela pode exigir alguma particularidade a destacar. Vejamos então quais são as características mais importantes do curriculum. Se quiseres podes conhecer os nossos templates para descarga.

1. Foto

A primeira coisa a colocar no teu currículo é uma foto. A foto é importante para dares a conhecer a tua aparência, mas também para captar a atenção por parte da equipa de recursos humanos. Deves incluir uma foto que enquadre o teu rosto com parte de ombro e tronco, e se quiseres uma foto tipo-passe.

Com o crescimento das redes sociais, podes aproveitar a tua foto de perfil do Facebook ou do Instagram para colocar no teu CV. A foto deve transmitir boa disposição para a empresa, e não precisa de ser obrigatoriamente tirada em estúdio.

2. Contacto

Depois da foto aquilo que parece mais óbvio incluir no currículo são os contactos. Por incrível que pareça ainda existem pessoas que se esquecem de incluir contactos no curriculum, como morada ou email ou que enumeram apenas no final. Deverão ser colocados na parte superior da página do curriculum, bem percepcíveis aos recrutadores.

3. Perfil do LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social de networking que está em crescimento entre jovens que recentemente terminaram a sua formação académica, sendo igualmente usada por profissionais.

Deves fazer login no teu LinkedIn, entrar em “editar perfil”, e definir um URL que irás incluir no teu CV. É uma forma útil que dá um ar fresco ao teu currículo moderno e que permite ao recrutador conhecer mais rapidamente a tua formação e a tua experiência profissional, sem imprimir o CV. Se quiseres, ao longo do teu curriculum podes incluir links ao teu perfil.

4. Cargo de prestígio

A experiência profissional é uma das secções do currículo que não deverás esquecer de colocar, por isso, e se és profissional a vários anos deves incluir no currículo a posição mais relevante da tua carreira profissional.

O novo emprego deverá ir ao encontro desse cargo, com um objetivo profissional bem explícito. Podes destacar habilidades, competências e conhecimentos.

exemplos de coisas a inserir no cv

Rawpixel.com | Shutterstock

5. Resultados académicos

Os resultados obtidos profissionalmente são importantes, mas também não deverás esquecer os resultados obtidos pela tua formação académica e os êxitos mais importantes da tua viagem pela universidade. Destaca trabalhos em que tenhas sido reconhecido pelos teus professores e colegas e mostra que os realizaste com dedicação e responsabilidade.

6. Uma boa carta de recomendação

É recomendável colocar uma boa carta de recomendação no teu currículo. Ou seja, contactos dos teus superiores de empregos anteriores ou até mesmo recomendações dos orientadores do teu trabalho como voluntariado ou como estagiário para saber o teu valor. A carta de apresentação pode ser também uma boa dica, pode dás-te a conhecer em pormenor.

7. Anexos indispensáveis

Por último, mas não menos importante é indispensável colocar os anexos, que dizem respeito às certificações, documentos esses que comprovam que frequentaste determinados postos e que tens quer experiência quer formações suficientes para conseguir o emprego. Os candidatos com certificações e diplomas são subitamente aqueles selecionados pelos recrutadores. Outros sem esta ferramenta específica são colocados d

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *